Milão por Mandarin Oriental

milan-hotel-lobby-reception

Novo pit stop em sua próxima viagem a Milão: Mandarin Oriental Milan. No centro da cidade italiana, pertinho das Vias della Spiga e Montenapoleone e da casa de ópera La Scala, o hotel recém-inaugurado foi concebido em quatro construções do século 18 e tem seus interiores assinados pelo conceituado escritório Antonio Citterio Patricia Viel Interiors. A inspiração, segundo o arquiteto, é no trabalho de mestres do design italiano – de Piero Portaluppi a Giò Ponti, Asnago e Vender.
milan-fine-dining-mandarin-bar-bistro-04
milan-room-mandarin-01Enquanto os 104 quartos e suítes têm uma atmosfera neutra e contemporânea, cada espaço comum ganhou personalidade única, cores e contrastes. Destaque para o eclético Mandarin Bistro Bar (em mosaico branco-e-preto, vale a visita) e o restaurante Seta, comandado pelo chef Antonio Guida – ex-Hotel Il Pelicano, da Toscana, onde conquistou duas estrelas Michelin. Há também um spa maravilhoso com piscina interna e um cabeleireiro do stylist local Massimo Serini.

Por Antonella Salem, leia mais no site da Casa Vogue

Anúncios

O novo hotel Armani

Giorgio Armani escolheu Milão, capital da moda na Itália, para inaugurar seu segundo hotel – o outro está em Dubai, na Burj Khalifa, a torre mais alta do mundo, e deu início ao projeto Armani Hotels & Resorts em parceria com a Emaar Properties PJSC. Em um belo palazzo na Via Manzoni 31, coração da cidade, tudo – dos móveis à criação de gerentes de “lifestyle”, que cuidam dos desejos de cada hóspede – foi pensado pelo próprio estilista. “Eu concentrei todos os meus esforços em mostrar minha visão estética pessoal dentro de um ambiente precisamente definido por conforto total”, disse Armani.

Nos quartos, look moderno e amenities high tech, além de banheiros projetados para dois. A filosofia é de hospedar como numa elegante residência by Armani. Os espaços públicos ficam nos pisos 7º e 8º, no chamado “chapéu de vidro” e  têm vista panorâmica para os telhados de Milão. No The Armani Ristoranti, de gastronomia italiana, escolha a mesa do chef dentro da cozinha. Sem falar no spa, de 1.200 metros quadrados, um oásis de beleza e estilo.

Caça às trufas

  O hotel Principe di Savoia, em Milão, propõe um programa inesquecível na região do Piemonte: caça à trufas. O pacote especial inclui três noites (a partir de 581 euros a diária) em um dos novos quartos, café da manhã para dois e o passeio. Transporte ida-e-volta em Mercedes Classe E para as cidades de Alba e Roddi, pátria das trufas, caça às trufas com cães em Roddi durante a manhã, almoço com quatro pratos (um ou dois com trufa negra), tour pelas lojas dos melhores caçadores de trufas de Alba e passeio pela Feira da Trufa de Alba. Programe-se: o tour está disponível aos sábados e domingos entre 8 de outubro e 13 de novembro.

High Fashion

Cada vez mais estilistas estão apostando na hotelaria e alternando croquis com desenhos de ambientes. Em Paris, Christian Lacroix faz fama com seus Petit Moulin e Bellechasse Hotel. Em Berlim, o alemão Karl Lagerfeld assina o Schlosshotel. Donatella Versace criou um resort renascentista e glamouroso na costa dourada da Austrália, o Palazzo Versace. Maison Moschino abre em Milão em março. E por aí vai…

Novidade no métier dos hotéis fashion, é o Missioni, em Edimburgo, na Escócia. Aberto em junho de 2009, o hotel da grife italiana, situado na histórica Royal Mile, foi todo “vestido” pela diretora de criação e fundadora Rosita Missioni. Peças de design estão por toda a parte. Preto, branco e prateado dominam o décor, com nuances de cores vivas, e a estética da marca é notada nos tecidos, tapetes e papéis de parede com formas geométricas que adornam desde o restaurante até os quartos. Nas acomodações, há facilidades de última geração, é claro, como ipod hook up e máquina Nespresso. Outra sensação é o estiloso Bar Missioni, que acrescenta criatividade a coquetéis tradicionais. O Basilito, versão do cubano Mojito, leva manjericão fresco, uva e limão italiano. Vale provar o universo Missioni!